DICAS DE SAÙDE

DICAS DE SAÙDE

Esporte prejudica a saúde?

Autor: Jonilson Santos

Caríssimos leitores, como estão? Vamos dar continuidade ao tema que abordamos no nosso último encontro? Para relembrar falamos que Esporte não é Saúde, muito pelo contrário e eu também disse que começaríamos tratando do tema Esporte.

A Escola de Educação Física e Esporte da USP é vanguardista no assunto já que separou na década de 90 os cursos de Educação Física e o de Esporte. Este último referente sempre ao alto rendimento, tendo como público alvo o atleta.
Não estamos falando do atleta de fim de semana ou aquele que gosta de jogar vôlei duas ou três vezes por semana. Estamos tratando de profissionais que treinam de 4 a 8 horas diárias e que situações como dores insuportáveis, lesões, escoriações, sessões de fisioterapia, bolsas de gelo e claro, uma carreira relativamente curta em comparação às outras profissões é algo comum.

Também estamos tratando de um grande volume em dinheiro. Patrocinadores não fazem caridade, eles querem associar suas marcas a campeões. Minutos na televisão valem verdadeiras fortunas e não é possível que todo o investimento de vários milhares fique a mercê da vontade do atleta.

O Atleta é um funcionário que deve ir até (ou além) do seu limite. Os estudos da fisiologia, nutrição, bioquímica, marketing e outras disciplinas próprias da área, são estruturados para essas pessoas. Eu disse pessoas? Muitas vezes os clubes esquecem que são pessoas e as
tratam como máquinas.

É impossível pensar em saúde em situações como esta. Não é o bem estar e a qualidade de vida que está como objetivo. Ao invés de sorrisos e brincadeiras, geralmente encontramos pessoas com expressões de dor e de raiva, revidando a entrada mais brusca do companheiro" de profissão.

Vejam, não estou tratando do fenômeno esporte. Esse é um tema bastante instigante.

Quem é o espectador desses jogos?

Qual é a razão de seu comportamento frente a um esporte?

Para quem realmente são os jogos olímpicos e o campeonato mundial de futebol masculino?

Como sugestões procurem artigos da Profa. Katia Rubio da EEFE-USP. Ela e seu grupo de
estudo pesquisam sobre o olimpismo.

No nosso próximo encontro começaremos a falar sobre a saúde de maneira ampliada. Até lá e espero que tenham gostado.

Douglas Cerqueira Ferdinando é professor de educação física do Serviço de Geriatria do
Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (Brasil), mestre em Saúde Pública e proprietário da SUPERAÇÃO – Práticas Corporais para a Saúde.

/medicina-alternativa-artigos/esporte-prejudica-a-saude-5079040.html

Perfil do Autor

Ajudando as pessoas a viverem melhor naturalmente

Você não precisar perder o gosto pelas coisas boas da vida para ter uma vida saudável. Você não precisa abrir mão de tudo que você gosta e sua vida para construir uma vida melhor.

O que você precisa é construi uma vida baseada no princípio do

EQUILÍBRIO, VARIEDADE E MODERAÇÃO

Nós queremos lhe ajudar a conseguir atingir seus objetivos.

Nós podemos lhe ajudar a construir uma Vida Melhor.

Visite nossa página http://www.vivamelhor.br.com